Justiça do Rio de Janeiro condena o Google a indenizar adolescente que sofreu cyberbullying no Orkut

Jovem foi alvo de uma comunidade, e também perdeu sua conta, que foi utilizada para ofender amigos e familiares

Por Rodrigo Lima em 20/07/2011


Um tribunal do Rio de Janeiro condenou o Google Brasil, ao pagamento de uma indenização de 12 mil reais à família de um adolescente que foi vítima de cyberbullying no Orkut.



Em 2008 foi criada uma "comunidade" com o intuito de difamar um jovem de 12 anos. Um ano mais tarde, alguém roubou a senha de seu perfil. A partir daí, o "ladrão" passou a ofender familiares e amigos do jovem através da rede social.

A mãe do adolescente pediu várias vezes a retirada da página ofensiva, porém o Google não a atendeu. O jovem se abalou, e precisou de tratamento psicológico. O Google alegou que não poderia ser responsabilizado, já que a vítima era menor de idade, e por isso estaria proibida de utilizar o Orkut, segundo as regras de utilização da rede social.

Para os desembargadores da 19ª Câmara Cível, "a responsabilidade da ré encontra-se não pela criação do perfil, mas pela sua manutenção na rede". Os desembargadores consideraram que o jovem foi exposto a uma situação vexatória.

Links Relacionados

Fonte(s)
Imagens
| URL curta

Comentários ()


}