Modificando o seu Android com Xposed sem precisar instalar uma custom ROM

Você não precisa realizar procedimentos complexos para instalar uma custom ROM e obter modificações no Android. Xposed faz isso por você!

Por Ricardo em 03/12/2013


Uma das coisas marcantes no Android é a sua flexibilidade de personalização em contraste com os principais concorrentes, mesmo para usuários leigos. O sistema da Google oferece inúmeras formas de customizar o SO, pois sua construção é totalmente modular e permite que um aplicativo que não seja do sistema assuma alguma função específica do Android.

O maior e mais simples exemplo disso são os launchers, ou aplicativos que substituem o gerenciador de telas inicial, entregando uma experiência diferente do padrão do sistema, por exemplo, o dodol. Além de você contar com dezenas de opções de launcher na Google Play, os fabricantes também disponibilizam suas próprias modificações e inserem seus próprios launchers no Android.

Isso agrada alguns, e desagrada a outros, sobretudo para quem prefere ter o controle sobre o sistema e não ficar preso às imposições das empresas que fabricam os gadgets. Daí entram em cena as customs ROMs, que são versões modificadas do Android com recursos não encontrados no original da Google e que trazem uma experiência mais pura do SO.

Com uma versão mais enxuta do sistema, você personaliza ao seu gosto, escolhendo o launcher que prefere e, muitas vezes, temas de cores e ícones. O único problema com esta opção é que nem todos os usuários estão familiarizados com o processo de instalação de uma custom ROM e nem todos os aparelhos possuem um port do sistema customizado para instalação.

Mas agora há uma forma de se conseguir personalizar o Android original disponibilizado pelo fabricante sem necessidade de muitos conhecimentos técnicos. Não será preciso sequer modificar partes do sistema, sendo todas as mudanças possíveis de desfazer em qualquer momento. A única exigência é possuir o aparelho rooteado.

O processo é todo realizado no próprio aparelho, por meio de um aplicativo que não está na Google Play. Aqui usamos como exemplo o Galaxy S4 (GT-i9505), que inclusive possui um guia de como obter root nesse aparelho com Android 4.2 aqui. Para outros modelos/marcas e versões do Android, a melhor forma é realizar uma busca no fórum do XDA Developers, procurando pelo modelo correto do seu gadget.

A mágica do Xposed

O aplicativo que faz essa mágica está disponível no XDA e chama-se XPosed. Ele adota um método completamente diferente do usado até agora para customizar o Android. Geralmente, a customização do Android inclui mudanças num arquivo chamado framework-res, que faz parte do sistema, e é uma tarefa que exige muito conhecimento técnico.

Os desenvolvedores conseguem trocar cores do sistema, ícones do menu de configurações, acrescentar entradas para aplicativos próprios, adicionar transparências etc. Contudo, essas mudanças não são possíveis de serem desfeitas. O XPosed adota um método diferente e genial, que permite realizar mudanças na aparência e acrescentar funções sem, no entanto, realizar qualquer mudança nos arquivos que constituem o Android.

Ele funciona introduzindo um arquivo JAR que se inicia no arranque e serve como uma "ponte" entre as chamadas das funções do sistema. Assim, qualquer evento proveniente de serviços ou na construção da interface é "interceptado" pelo framework que realiza as modificações visuais ou de recursos. Apesar de ser mais um serviço rodando no sistema, o consumo de bateria não é muito afetado.

O aplicativo também trabalha com espaço para aceitar módulos que trabalham em conjunto com o software, permitindo que programadores implementem recursos extras ou adaptados a determinadas famílias de aparelhos. Atualmente existe uma grande quantidade de módulos para diferentes aparelhos, e outros específicos a um fabricante, como linhas Galaxy da Samsung, Xperia da Sony, HTC e para ROMs AOSP, como a CyanogenMod.

Mas não são todas as funções que funcionam, infelizmente, devido à grande variedade de dispositivos com Android modificado pelos fabricantes. Contudo, sempre haverá algum que funcionará e já servirá para alterar o comportamento, acrescentar recursos ou modificar itens na aparência. Basicamente consiste em tentativa e erro, e uma dose de paciência.

Também é importante frisar que ele é destinado aos aparelhos mais novos, com Android 4.0 (ICS) ou superior. Qualquer tentativa em outro sistema não é totalmente garantida que irá funcionar. Apesar de o processo ser livre de problemas, não nos responsabilizamos por qualquer dano, material ou não do aparelho, sistema operacional e arquivos pessoais decorrente do procedimento de instalação. Portanto, faça um backup de tudo o que é importante antes de prosseguir.

Instalação do Xposed

O aplicativo em si consiste em um instalador para o framework no sistema (daí a necessidade de root) e para gerenciamento dos módulos instalados. Além disso, ele avisa sobre atualizações em módulos e do framework, facilitando a obtenção das últimas versões. Também possui uma lista de aplicativos que você pode facilmente obter através do instalador – lembrando que não funciona em todos os aparelhos.

Comece obtendo o APK do instalador para a sua versão do Android. Você pode obter a informação da versão em Configurações > Sobre o Dispositivo > Versão do Android.

4.0 ou superior

Xposed - pacote instalador

2.3 e 2.x (Gingerbread). Essa versão é portada (port), sendo assim, pode não funcionar corretamente. Use por sua conta e risco.

Xposed para Gingerbread - pacote instalador

Será necessário habilitar a instalação de aplicativos de fora da Google Play ou "Fontes Desconhecidas". Se não souber como fazer isso, basta seguir a primeira parte desse tutorial aqui. Feito isso, basta passar o arquivo do PC para um diretório à sua escolha no Android via conexão USB (se estiver acompanhando isso do PC), ou usar qualquer gerenciador de arquivos comum e navegar até onde baixou o instalador do Xposed, tocando no arquivo e selecionando a opção “Instalar”.

Após a instalação, abra o instalador e selecione a opção "Framework". Dentro da opção, clique em “Install/Update”.

Conceda as permissões de root sem medo. Após o processo, será necessário reiniciar o aparelho, que pode ser feito pelo atalho no aplicativo ou pelo método-padrão do Android.

Instalando módulos

Pronto, você instalou o framework, mas isso por si só não faz muita coisa. Você poderá fazer download de módulos pelo próprio aplicativo do instalador (em “Download”), ou iniciar com o mais completo para um primeiro uso, o Wanam Xposed, disponível na Google Play. Ele é mais voltado para a linha Galaxy, mas não custa tentar em outros aparelhos. Baixe e instale se preferir. Vamos utilizá-lo como exemplo.

Aviso: se estiver usando o Android 2.3 Gingerbread (incluindo qualquer outra versão anterior ao 3.0), você deverá usar apenas os APKs fornecidos por meio desse link. São módulos portados e compatíveis com essa versão do sistema.

Abra o instalador novamente, e selecione a opção Módulos (Modules). Você deverá selecionar o Wanam para ativá-lo. A cada modificação que fizer em qualquer opção, surgirá uma mensagem para você reiniciar o aparelho. Você poderá fazer isso depois de efetuar todas as mudanças que deseja.

Acesse o módulo Wanam e modifique os itens que desejar. Eles estão divididos em categorias para ficar mais fácil saber o que está mudando.

Infelizmente, o aplicativo está em inglês, o que pode prejudicar um pouco para quem não domina o idioma, aumentando o tempo de aprendizado. Na dúvida, ative um item, anote o que você modificou e reinicie o aparelho para aplicar a modificação. Assim você ficará sabendo o que aquele item faz. Anotar é importante para você desfazer caso não goste do resultado.

No nosso teste no Galaxy S4, ele funcionou muito bem para a maioria das funções. Interessante citar que a opção que adiciona um botão para gravação de ligações nem sequer foi selecionada (ativada), mas mesmo assim a opção surge no discador. Mas é um recurso muito bem-vindo.

O Wanam é bem completo, substituindo muitos módulos redundantes. No entanto, se alguma opção que você deseja não funcionar, procure outro módulo com o mesmo recurso. O que não funcionar no Wanam pode funcionar em outro módulo. Algumas coisas que o Wanam pode alterar:

  • Gravação de ligação;
  • Outro menu de desligamento com quatro opções relacionadas (útil se você possui um custom recovery, pois essa opção cria um atalho);
  • Customização da barra e área de notificações, como mudanças de cor ou transparência, relógio centralizado, alteração do ícone de bateria entre outros;
  • Desabilitar notificações inconvenientes, como o aviso de volume alto demais;
  • Permite habilitar a rolagem do papel de parede quando você alterna entre as telas na área de trabalho;
  • Mudanças de cor de diversos itens e muito, muito mais.

Veja abaixo algumas modificações efetuadas que não são possíveis originalmente no TouchWiz da Samsung. Foram algumas tentativas até chegar ao resultado final.

 

Esse é só um exemplo do que é possível com o Xposed e o módulo Wanam. Agora, vamos conhecer outros módulos sugeridos que são bastante úteis.

Modificando o ícone de bateria

Há vários módulos que possuem funções que realizam mudanças no ícone de bateria, como o próprio Wanam citado acima, que possui essa opção embora seja bastante limitada. Se você quer mais controle, o módulo XBatteryThemer faz isso. E o que é melhor, você não precisa reiniciar o smartphone a cada mudança efetuada (só se ocorrerem erros).

Comece baixando o APK nesse link. A instalação ocorre da mesma forma do Xposed. Abra um navegador de arquivos, vá até onde você baixou o XBatteryThemer e toque em cima do arquivo para iniciar a instalação.

Ele é bem simples de usar. Basta instalar os temas de bateria que você deseja, abrir o módulo do XBatteryThemer e selecionar a opção desejada. Existem alguns pacotes de ícones disponibilizados que você pode baixar aqui. Geralmente eles são distribuídos em duas versões: colored e non-colored ou white. A versão com a tag “colored” significa que você poderá personalizar a cor do ícone, e as outras tags já possuem cores fixas.

Para instalar os temas, descompacte o pacote em um diretório. Cada tema de bateria é um arquivo APK. Basta instalar normalmente. Dependendo do gerenciador de arquivos, é possível ver o ícone do aplicativo em cada arquivo APK. Nesse caso, cada APK terá o ícone do tema correspondente.

Personalizando as ações dos botões

O módulo XButton Actions permite personalizar diversas ações referentes aos botões do aparelho, tanto físicos quanto virtuais. É possível definir atalhos para aplicativos, finalizar tarefas mantendo um botão pressionado por algum tempo e várias outras funções. Você pode instalá-lo aqui.

Invertendo o botão de volume ao girar a tela

Já deve ter acontecido com você de, ao girar a tela do smartphone para ver um vídeo, por exemplo, se confundir na hora de aumentar ou abaixar o volume, fazendo justamente o oposto. Quando você muda a orientação da tela, é natural que seu cérebro, acostumado a interpretar visualmente a barra de volume, se desloque para a direita para aumentar e para a esquerda para abaixar, mantenha essa lógica quanto aos botões.

Ao girar a tela, você tende a inverter a função dos botões, seguindo o condicionamento visual submetido pelo software. Os fabricantes deveriam adotar essa mudança, invertendo o botão de volume ao girar a tela, mas não o fazem. No entanto, você poderá realizar isso com o Swap Volume Keys. Assim, sempre que inclinar o smartphone, os botões de volume vão alterar a ordem. Não há qualquer configuração a ser feita. Basta baixar aqui, instalar e ativar o módulo.

Removendo aviso de volume alto

O Unsafe Volume é um módulo interessante para aqueles que gostam de ouvir música e controlam o player pelos botões do fone de ouvido. Infelizmente, ao tentar aumentar o volume, simplesmente nada acontece. Isso porque o smartphone necessita de uma confirmação, normalmente numa mensagem acompanhada de um aviso sobre os perigos de escutar músicas muito altas.

Isso obriga a você retirar o smartphone do bolso, desbloquear a tela e tocar na caixa de confirmação para liberar o volume. É incômodo e perde-se toda a praticidade de possuir controles junto aos fones de ouvidos. Para remover essa limitação, basta instalar o módulo Unsafe Volume aqui. Depois é só ativar e você não precisará mais confirmar nada ao aumentar o volume.

Melhorando o tempo de boot do Android

É bastante incômodo precisar reiniciar o celular e ele demorar muito para voltar. Ás vezes a espera pode chegar a um ou dois minutos. Isso ocorre não por culpa apenas do aparelho ou das modificações no Android efetuadas pelo fabricante, mas pela quantidade de apps inicializando junto com o sistema.

Existem alguns aplicativos na Google Play que permitem impedir os aplicativos de iniciarem junto com o sistema durante o boot, o que acarreta atrasos significativos. O Battery Doctor é um bom aplicativo com esse recurso. Mas, se você não quer instalar um aplicativo só para ter essa função, ou prefere gerenciar tudo de um só lugar (Xposed), pode instalar o BootManager, disponível aqui. Mesmo esquema: instalar e ativar.

Outros módulos

Existem vários outros módulos disponíveis e novos sempre estão aparecendo. Até agora, as opção são universais, ou seja, para todos os aparelhos com Android 4.0 ou superior. Mas há opções específicas para algumas linhas de produtos de fabricantes diferentes, como Xperia, Samsung, LG, HTC e ROM AOSP, tal como o CyanogenMod. Para acessar a lista completa, clique aqui ou aqui.

Cada módulo da lista possui sua página com a descrição (em inglês), versão do Android em que funciona, limitações etc. É basicamente tentativa e erro. Nos módulos específicos para uma linha de aparelhos, a probabilidade de funcionar é maior visto que o desenvolvedor possui o aparelho para testes.

Desfazendo as mudanças

Para toda mudança, é possível desfazer. Um recurso que ocasionou travamento ou simplesmente se você gostaria de voltar à experiência-padrão do Android entregue pelo fabricante, tudo o que você precisará fazer é desabilitar o módulo correspondente ou desabilitar o Xposed. O importante é ter a opção de realizar as mudanças ou desfazê-las a hora que bem entender.

O Xposed é realmente genial, permitindo que usuários leigos possam realizar suas próprias personalizações, antes restritas apenas àqueles com maior conhecimento técnico e dispostos à realização de métodos complicados.

 

.

Fonte(s)
Imagens
| URL curta

Comentários ()


}